fbpx

Conheça o caminho do sucesso com usina de compostagem da família Cardinali

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Migrar da noite para o dia de uma atividade comercial para outra totalmente diferente, pode parecer um problema. Foi assim, de supetão, que os Cardinalis investiram na usina de compostagem de resíduos orgânicos. Para vencer os desafios e caminhar para o sucesso, a capacitação foi fundamental. Descubra a receita do sucesso com usina de compostagem. Leia aqui.

Boa parte das pessoas, quando pensam em sucesso profissional, visualizam-se num status de liderança. Nesta projeção, alcançar sucesso emocional e financeiro parece tão simples… O Problema é que sonhos não calculam os desafios que existem para que sejam realizados.

Porém quando o sonho de prosperidade se torna projeto, a coisa muda de figura e começa a ganhar consistência. Idealizar um projeto inclui previsões positivas e negativas, cálculo dos desafios, metas, e outros dados. Enfim requer conhecimento e desenvolvimento de competências. CAPACITAÇÃO!

E mesmo com tudo calculado, pode acontecer uma situação excepcional, imprevista, e mudar tudo o que estava encaminhado.

Como os Cardinali passaram de suinocultores a empresários da sustentabilidade? Por que decidiram investir na compostagem de resíduos orgânicos? Como o treinamento do Virapuru Training Center libertou os Cardinalis? Quer saber como você também pode ter sucesso com resíduos sólidos?

Situações imprevisíveis, podem ser um furacão destruindo tudo…Ou uma agitada na zona de conforto para que novas possibilidades se abram. Depende de como você encarar. Vai fixar no ponto preto na folha branca, ou vai enxergar a imensa folha branca em torno do ponto preto?

O inesperado aconteceu na vida da família Cardinali. Silvia e Paulo, trabalhavam com suinocultura, tinham investido muito! Então a Política Nacional de Resíduos Sólidos chegou e mudou todo o projeto deste casal e de toda família!
Acompanhe aqui esta história de coragem, superação e sucesso da Família Cardinali, Cometas da Sustentabilidade.

Como os Cardinali passaram de suinocultores a empresários da sustentabilidade

Silvia e Paulo Cardinali são de Santa Cruz da Esperança, cidade a 50 quilômetros de Ribeirão Preto, São Paulo. O casal é empresário do setor de Resíduos, trabalham com usina de compostagem e triagem/destinação de resíduos secos recicláveis.

“Somos uma empresa familiar ! Trabalhávamos com suinocultura, isso antes de 2010. Na época, coletávamos resíduos de uma indústria e transformávamos em ração para tratar dos porcos. Em 2010 veio a Política Nacional dos Resíduos Sólidos, com a lei 12.305/2010 e a coisa foi apertando.” Conta Silvia Cardinali.

Sucesso com usina de compostagem
Família Cardinali

A lei determina a destinação ecologicamente correta dos resíduos. Assim, os resíduos orgânicos, produzidos por esta indústria, deveriam ser destinados a partir de então, para compostagem.

“Essa empresa que nós trabalhávamos nos contactou e informou que não poderiam mais destinar os resíduos para o trato de animais. Que teriam que destinar para compostagem.” Relatam Paulo e Silvia

O cronograma dos Cardinali na suinocultura andava redondinho, até então. Porém esta ‘novidade’, gerou uma ruptura na produção de ração para os suínos. O que comprometeu profundamente a viabilidade da empresa.

“A gente tinha acabado de fazer um alto investimento de automatização dos galpões. Deixamos toda a suinocultura para trás. Até os galpões. Todos automatizados. Precisávamos começar uma nova história.

A própria indústria que sedia os resíduos para ração, nos chamou e perguntou: Porque vocês não começam a fazer compostagem? ” Conta o casal.

Imagine você, com uma empresa estruturada, onde apostou todas as suas fichas, tendo que fechar as portas? Calcule o impacto disso na economia familiar, era desta empresa que vinha o sustento. Desesperador?

Não!! A Família Cardinali não se entregou ao desespero. Como foi dito no começo, não se prenderam no ponto preto no papel branco. Seguiram a dica da indústria, até então parceira na suinocultura, e partiram para a pesquisa sobre usinas de compostagem.

Por que decidiram investir na usina de compostagem de resíduos orgânicos

“A gente pesquisou, estudou a viabilidade…Então aconteceu uma coisa que marcou muito na tomada desta decisão e eu quero compartilhar com vocês.
Todos nós temos um propósito e quando a gente coloca nossa vida na mão de Deus Ele nos mostra qual é a nossa missão!

E quando nós pesquisamos a respeito da usina de compostagem, a princípio parecia que não iríamos dar conta. Mas tivemos uma confirmação muito importante para nós.
Eu acredito que isso que vou compartilhar, vai falar muito com todos. Independente de religião.

Primeiro fizemos um propósito que tudo que a gente fosse decidir, colocaríamos na presença de Deus. Na dúvida se íamos dar conta, colocamos em oração e pedimos orientação, conversamos mesmo com Deus sobre o que fazer.
A confirmação veio na bíblia através da Carta aos Romanos no capítulo 8, versículos 19-22, onde diz assim:

‘ Por isso, a criação aguarda ansiosamente a manifestação dos filhos de Deus. Pois a criação foi sujeita à vaidade (não voluntariamente, mas por vontade daquele que a sujeitou), todavia, com a esperança de ser também ela libertada do cativeiro da corrupção, para participar da gloriosa liberdade dos filhos de Deus. Pois sabemos que toda a criação geme e sofre como que dores de parto até o presente dia.’”

“Isso falou muito forte com a gente. Despertou algo em nós que dizia que podíamos contribuir com a natureza que está gemendo, pedindo socorro! Entendemos que estava aguardando a manifestação dos filhos de Deus, que somos todos nós. Isso fechou tudo! Está aí o propósito de Deus nas nossas vidas! ” Revelam os Cardinalis.

Este depoimento da Família Cardinali, reforça o apelo da Natureza pela nossa iniciativa de ajudá-la a nos manter vivos. Pois o aquecimento global causado por todo tipo de poluição, se não for freado, levará à nossa extinção. Precisamos de ações coletivas e eficazes para reduzir os impactos ambientais que também causam imensos prejuízos sociais.

Armados de fé, confiantes também nas leis dos homens, o casal Cardinali, mergulha de cabeça no projeto a caminho do sucesso com  usina de compostagem. Nasce então em 2013, a Cardinali Soluções Ambientais. Uma nova história, um novo e grande desafio.

caminho do sucesso

A lei 12.305/10 foi um fator que impossibilitou de certa forma o trabalho dos Cardinali na suinocultura. Mas, não teve a mesma força para agilizar a implementação dos planos municipais de gestão integrada de resíduos sólidos.

Como a Política Nacional de Resíduos Sólidos, depende da complementação que deve acontecer via Estados e Municípios, a coisa estacionou.

A maior dificuldade neste processo é a falta de profissionais competentes que apontem soluções eficientes.

Como o treinamento do Virapuru Training Center libertou os Cardinalis?

Temos uma lei baseada em países desenvolvidos, sendo atendida com soluções jurássicas de subdesenvolvimento, como mandar tudo para aterros. Alternativa que não resolve o problema com os Resíduos, apenas camufla a poluição.

Esta demora na implementação da lei, atrapalhou os empreendedores da sustentabilidade, mas não os freou.

“A gente ficava muito dependente da política e ansiosos pela implementação dessa política. Ansiosos para vê-la realmente acontecendo. E a gente vê que não está acontecendo e que vai se arrastar ainda por mais e mais anos. A gente vai diminuindo aquela vontade de continuar, vai perdendo a motivação.” Queixa-se Silvia.

A família Cardinali precisava de ferramentas para fazer o seu negócio acontecer, independente da vontade política.

Começa uma nova maratona de pesquisas em busca de soluções para gerir sua empresa mesmo sem amparo político. Nesta busca encontraram o Virapuru Training Center, Silvia entra para o curso PIGRS (Profissional Internacional de Gerenciamento de Resíduos Sólidos).

“ A visão que o Virapuru Training Center está trazendo pra gente mudou o nosso ângulo de visão! A partir do curso eu percebi que o mercado tá aí, é amplo, e temos que mostrar para o mercado que nós existimos. Estávamos muito quietinhos.
Hoje, nós estamos cada vez mais apaixonados pela compostagem e dispostos a enfrentar os desafios que sempre vem”, comenta Paulo.

“Nossa região, tem Sertãozinho uma cidade forte na industrialização, com muitas usinas de cana, que produzem açúcar, álcool. É uma região muito próspera. Tem muito mercado e muitas oportunidades, muitas mesmo!

A nossa usina de compostagem é muito importante para a região. Antes o nosso pensamento era permanecer pequeno. Em contrapartida, a usina de compostagem mais próxima fica a mais de 200 quilômetros de distância.

Aqui, as empresas que destinam os resíduos são poucas. Mas entrar numa empresa para fazer o plano de gerenciamento deles, é ter a carta na mão. Então é uma grande oportunidade de negócio!

Nós temos muitas portas abertas. Isto aprendemos no curso com o Gleysson. Nós buscamos onde aprender e o treinamento do Virapuru Training Center nos ensinou também a enxergar essas oportunidades.

Eu agradeço a vocês Gleysson e Virapuru Training Center pela importância da informação que levam para tanta gente” . Atesta a família Cardinali.

Quando questionados, se estão felizes com a aplicação dos conhecimentos adquiridos através do Virapuru Training Center, os Cardinalis afirmam:

“A satisfação com certeza é grande! É muito gratificante ter um grande desafio e ter a recompensa maior ao vencer o desafio! Tivemos um chamado e estamos no lugar certo, trabalhando certo, acompanhados e orientados por vocês Gleysson e Virapuru. Então está certo mesmo! Não tem como dar errado!”

Quer saber mais? assista a entrevista completa aqui

Quer saber como você também pode ter sucesso com resíduos sólidos?

A família Cardinali aceitou o chamado e buscou conhecimento. Através do treinamento PIGRS, abriram o leque de serviços da empresa e hoje avançam rumo ao futuro sustentável e com muito sucesso.

Este é um dos objetivos do Virapuru Training Center, lançar luz sobre o planeta, com nossos Cometas da Sustentabilidade.

Você tem o sonho de ajudar o planeta e trabalhar com sustentabilidade? Nós temos os treinamentos ideais para transformar seus sonhos em projetos concretos.

O mercado precisa com urgência de mais profissionais capacitados para resolver problemas ambientais com soluções sustentáveis. Você pode ser este profissional.

Virapuru Training Center, os profissionais de maior sucesso no setor ambiental, começam aqui.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Deixe um comentário

Entre para nossa
lista de contatos

loading...

Mais Virapuru

trabalhar com sucatas pode ser de duas formas: com sucesso sabendo o que está fazendo e conhecendo o mercado, ou fadado ao fracasso, sem conhecimento, sem informação
+OPORTUNIDADES

COMO TRABALHAR COM SUCATAS

Quais as formas de trabalhar com sucata? O que é preciso para trabalhar com sucata? Existe curso que ensina como funciona este mercado? O que você

Continue Lendo »